A melhor biblioteca online grátis

Freud e o Inconsciente

FORMAT: PDF EPUB MOBI
DATA DE LANÇAMENTO: 1987
TAMANHO POR ARQUIVO: 7,99
ISBN: 9788571100039
LÍNGUA: PORTUGUÊS
AUTOR: Roza,L. A. G.
PREÇO: GRATUITO

Ao melhor Freud e o Inconsciente pdf, que você encontrará aqui

Оescrevendo:

Em Freud e o inconsciente, o autor mostra inicialmente a articulação de certos fatores dos séculos XVIII e XIX que constituíram a precondição para o surgimento da psicanálise. Comenta em seguida os dois livros de Freud que se tornaram os pilares da teoria psicanalítica: A interpretação do sonho e Três ensaios sobre a teoria da sexualidade. Além disso, outros conceitos, desenvolvidos por Freud em obras posteriores, como pulsão e recalcamento, são também estudados em profundidade.

...sua nascença e que engloba todo os desejos, instintos e pulsões que não são influenciados por nenhum corpo de cariz moral ... O que é Inconsciente? O Inconsciente para a Psicanálise ... . É aqui que reside o princípio do prazer e onde, segundo Freud, está reservada a líbido, o estímulo das pulsões sexuais. Em Freud e o inconsciente, o autor mostra inicialmente a articulação de certos fatores dos séculos XVIII e XIX que constituíram a precondição para o surgimento da psicanálise. Comenta em seguida os dois livros de Freud que se tornaram os pilares da teoria psicanalítica: A interpretação do sonho ... Freud: Consciente, Pré-Consciente e Inconsciente ... . Comenta em seguida os dois livros de Freud que se tornaram os pilares da teoria psicanalítica: A interpretação do sonho e Três ensaios sobre a teoria da sexualidade. Além disso, outros conceitos ... O uso das expressões "afeto inconsciente" e "emoção inconsciente" remete aos destinos do fator quantitativo do impulso instintual, em consequência da repressão. Sabemos que esses destinos podem ser três: ou o afeto continua como é, no todo ou em parte; ou se transforma num montante de afeto qualitativamente diferente, sobretudo em angústia; ou é suprimido, ou seja, seu ... Segundo Freud (1996) o psiquismo é formado por estruturas denominadas: id, ego e superego, sendo organizadas no consciente e/ou no inconsciente. Para ele o homem nada mais é do que uma marionete nas mãos de seus desejos e pulsões, tais ocasionadas pelos instintos primitivos localizadas no Id, de forma inconsciente. A leitura de Freud e o Inconsciente vale tanto para quem está começando a estudar psicanálise como pra quem quer relembrar conceitos. O autor aborda muito bem o começo da teoria contextualizando a história do movimento psicanalítico e as experiências de Freud na clínica. Ultrapassa o escopo deste trabalho, mas parece certo que essa nova maneira de conceber o Inconsciente tenha levado a uma reconsideração dos poderes da técnica psicanalítica, pois com a introdução dos conceitos de pulsão de morte e compulsão à repetição, Freud se vê obrigado a reconsiderar a questão da cura e ampliar a técnica psicanalítica: as construções em análise teriam ... Descrição do livro. Percorre uma Longa e Fascinante Trajetoria: Parte do Cogito Cartesiano em que o Sujeito Identifica-se com a Consciencia, Para Chegar ao Cogito Freudiano, em que Temos de nos Dirigir ao Sujeito do Inconsciente e a sua Articulacao com o Sujeito Consciente. Consciente e Inconsciente, contribuição teórica de Freud, caracterícica inicial da psicanálise, como Freud explica a libido, as pulsões, o que se refere ao consciente, o que se refere ao ... Em seu artigo O Inconsciente, Freud afirma que o caminho para o inconsciente deve ser procurado através de lacunas das manifestações conscientes, estas lacunas trazem para a investigação psicanalítica as formações do inconsciente: o sonho, o ato falho, o lapso, o chiste e os sintomas. O inconsciente define [29] um complexo psíquico (conjunto de fatos e processos psíquicos) de natureza praticamente insondável, misteriosa, obscura, de onde brotariam as paixões, o medo, a criatividade e a própria vida e morte.. Nos livros "Psicopatologia da vida cotidiana" e "A Interpretação dos sonhos", Sigmund Freud mostra que há um significado nos esquecimentos e outros atos falhos ......