A melhor biblioteca online grátis

Investigando a Paternidade - 2ed 2001

FORMAT: PDF EPUB MOBI
DATA DE LANÇAMENTO:
TAMANHO POR ARQUIVO: 5,24
ISBN: 9788574351919
LÍNGUA: PORTUGUÊS
AUTOR: Bahena,Marcos
PREÇO: GRATUITO

Bahena,Marcos livros Investigando a Paternidade - 2ed 2001 epub estão disponíveis para você após o registro em nosso site

Оescrevendo:

Esta obra que o autor presenteia ao público, é daquelas que não pode faltar ao profissional do Direito, inclusive ao que nela iniciam, porque de fácil entendimento deixa claro ao leitor todos os aspectos da investigação de paternidade.

...e em suma, que o A. nasceu a 20.7.1956, sendo filho de ... Investigando a Paternidade - 2ed 2001 - 9788574351919 ... ... ... Compre Investigando a Paternidade, de Marcos Bahena, no maior acervo de livros do Brasil. As mais variadas edições, novas, semi-novas e usadas pelo melhor preço. Os exames de paternidade são feitos através da colheita de sangue e saliva de todas as pessoas necessárias e disponíveis para se fazer o exame, de acordo com o pedido no formulário de pedido de exame. Quer pedir um exame de paternidade? Quem pode pedir C ... Livros: Encontre Promoções e o Menor Preço No Zoom ... . Quer pedir um exame de paternidade? Quem pode pedir Como pode pedir Quanto custa Onde pedir. Redigido e Publicado por Célia Protásio Advogados Nota: O Artigo foi partilhado (transcrito) do local original de publicação Existem diferenças entre a acção de investigação da paternidade e averiguação oficiosa da paternidade Acerca da averiguação oficiosa da paternidade fica aqui um Acórdão da Relação de Évora de 29.04.2004: I - A averiguação oficiosa de paternidade ... Direitos de Maternidade e Paternidade (Parentalidade) Qual é a duração da licença parental inicial? A licença parental inicial tem a duração de 120, 150 ou 180 dias consecutivos. No caso de nascimentos múltiplos, acresce um período de 30 dias por cada gémeo/a além do/a primeiro/a. A paternidade de um menor pode ser estabelecida das seguintes formas: - Através da presunção de paternidade (art. 1676º e 1706º C. Civil). - Perfilhação (art. 1729º C. Civil). - Reconhecimento judicial (art. 1749º e seg. C. Civil): a) Em acção oficiosa de investigação de paternidade (art. 1745º C. Civil). O contingente de lares em que elas tomam as principais decisões saltou de 14,1 milhões, em 2001, para 28,9 milhões, em 2015 - um avanço de 105%. Nesse cenário, é evidente que o papel social e a divisão de tarefas entre pais e mães precisam ser rediscutidos. Na ação de investigação de paternidade, tendo o autor alegado e provado que teve conhecimento da existência de cartas nas quais o investigando declara inequivocamente a sua paternidade, incumbirá ao réu, com vista a fazer valer a caducidade que invoca, o ónus da alegação e prova de que tal conhecimento ocorreu há mais de três anos com referência à instauração da ...